Quem guardou o sábado?

Publicado: janeiro 10, 2010 em SÁBADO

https://i0.wp.com/timwalkerjr.com/wp-content/uploads/2008/12/sabbath.jpg

Quem guardou o sábado?

Um esboço dos observadores do sábado do Gênesis ao Apocalipse

A seguinte lista mostra que o sábado foi mantido e observado como um dia santificado desde o início dos tempos, e isso vai continuar por toda a eternidade.

NO ANTIGO TESTAMENTO :

Deus quardou o dia de sábado: Deus quardou o dia de sábado:

Gênesis 2:1-3 Gênesis 2:1-3
(1) Assim, os céus ea terra foram terminados, e todo o exército deles. (1) Assim, os céus e a terra foram terminados, e todo o exército deles.
(2) E havendo Deus acabado no dia sétimo a obra que fizera, descansou no sétimo dia de toda a sua obra, que tinha feito.
(3) E abençoou Deus o dia sétimo, e o santificou; porque nele descansou de toda a sua obra que Deus criara e fizera.

Adão e Eva guardavam o sábado: Adão e Eva guardavam o sábado:

Marcos 2:27
(27) E disse-lhes: O sábado foi feito por causa do homem, e não o homem por causa do sábado:

Nota: O sábado foi feito “para o homem”, na  criação (Gênesis 2:1-3) o único homem vivo era?  Adão e Eva. Nota: O sábado foi feito “para o homem”, A palavra “feito” alude volta a semana da criação,  Portanto, o sábado foi feito para eles, e para sua prole. Portanto, Veja o nosso estudo: Marcos 2:27: Foi o sábado feito para Adão e Eva? Veja o nosso estudo:

Caim e Abel quardaram o Sabbath: Caim e Abel guardavam o sábado:

Gênesis 4:1-8 Gênesis 4:1-8

1 E CONHECEU Adão a Eva, sua mulher, e ela concebeu e deu à luz a Caim, e disse: Alcancei do SENHOR um homem.

2 E deu à luz mais a seu irmão Abel; e Abel foi pastor de ovelhas, e Caim foi lavrador da terra.

3 E aconteceu ao cabo de dias que Caim trouxe do fruto da terra uma oferta ao SENHOR.

4 E Abel também trouxe dos primogênitos das suas ovelhas, e da sua gordura; e atentou o SENHOR para Abel e para a sua oferta.

5 Mas para Caim e para a sua oferta não atentou. E irou-se Caim fortemente, e descaiu-lhe o semblante.

6 E o SENHOR disse a Caim: Por que te iraste? E por que descaiu o teu semblante?

7 Se bem fizeres, não é certo que serás aceito? E se não fizeres bem, o pecado jaz à porta, e sobre ti será o seu desejo, mas sobre ele deves dominar.

8 E falou Caim com o seu irmão Abel; e sucedeu que, estando eles no campo, se levantou Caim contra o seu irmão Abel, e o matou.
Nota: Caim matou “o seu irmão Abel, portanto, cometendo um pecado, e Deus lhe disse, no versículo 7, que o pecado jazia” na porta. “Agora prete atançaoa definição para pecado é a transgressão da lei. “- 1 João 3: 4. “.

o resto dos 10 mandamentos, são todos iguais e estão a ser tratados da mesma forma, de acordo com Tiago 2:10 – 11., de acordo com James 2:10-11. Em Romanos 4:15, também lemos que, “onde não há lei, não há transgressão.” Portanto, se toda a lei deve estar junta, e um não pode  mandamento não ser violado sem violar o outro, quando Caim matou Abel, ele quebrou toda a lei, incluindo a lei do sábado,  quando pecado surgiu,a  lei  já existia .

Abraão, Isaque e Jacó guardaram o sábado:

Gênesis 26:5
5 Porquanto Abraão obedeceu à minha voz, e guardou o meu mandado, os meus preceitos, os meus estatutos, e as minhas leis.
Nota: Muitos ficariam surpresos ao saber que o crente Abraão foi também foi um guardador do sábado. O versículo acima afirma que ele obedeceu a Deus e manteve os seus mandamentos. O versículo acima afirma que ele obedeceu a Deus e Manteve os seus mandamentos. Agora vamos ler um pouco mais sobre os mandamentos que Abraão quardou:

1 Crônicas 16:15-17

15 Lembrai-vos perpetuamente da sua aliança e da palavra que prescreveu para mil gerações;

16 Da aliança que fez com Abraão, e do seu juramento a Isaque;

17 O qual também a Jacó confirmou por estatuto, e a Israel por aliança eterna,
Alguns acreditam que a aliança que Deus fez com Abraão foi a circuncisão, mas um olhar mais atento revela esta circuncisão não era a aliança, mas o “sinal” de que a aliança: Alguns acreditam que uma aliança que Deus fez com Abraão foi a circuncisão, mas um olhar mais Circuncisão atento revela esta não era uma aliança, mas o “sinal” da aliança:

Gênesis 17:7-11

7 E estabelecerei a minha aliança entre mim e ti e a tua descendência depois de ti em suas gerações, por aliança perpétua, para te ser a ti por Deus, e à tua descendência depois de ti.

8 E te darei a ti e à tua descendência depois de ti, a terra de tuas peregrinações, toda a terra de Canaã em perpétua possessão e ser-lhes-ei o seu Deus.

9 Disse mais Deus a Abraão: Tu, porém, guardarás a minha aliança, tu, e a tua descendência depois de ti, nas suas gerações.

10 Esta é a minha aliança, que guardareis entre mim e vós, e a tua descendência depois de ti: Que todo o homem entre vós será circuncidado.

11 E circuncidareis a carne do vosso prepúcio; e isto será por sinal da aliança entre mim e vós.
Observe que a circuncisão era para ser um sinal da aliança.” Em 1 Crônicas 16, verso 17, lemos que a mesma aliança que Deus fez com Abraão foi “o mesmo” que ele fez com “Israel para uma aliança eterna .  Qual foi o pacto que fez com Israel?

Deuteronômio 4:13
13 Então vos anunciou ele a sua aliança que vos ordenou cumprir, os dez mandamentos, e os escreveu em duas tábuas de pedra.

Portanto, uma vez que a aliança feita com Abraão, Isaque e Jacó, os Dez Mandamentos, que incluiu o sábado, isto significa que eles foram todos os observadores do sábado.

José guardou o sábado: José guardou o sábado:

Gênesis 39:7-9 Gênesis 39:7-9
(

7 E aconteceu depois destas coisas que a mulher do seu senhor pôs os seus olhos em José, e disse: Deita-te comigo.

8 Porém ele recusou, e disse à mulher do seu SENHOR: Eis que o meu senhor não sabe do que há em casa comigo, e entregou em minha mão tudo o que tem;

9 Ninguém há maior do que eu nesta casa, e nenhuma coisa me vedou, senão a ti, porquanto tu és sua mulher; como pois faria eu tamanha maldade, e pecaria contra Deus?

Nota: José compreendeu que estava cometendo adultério contra os mandamentos de Deus. Nota: Uma vez que toda a lei está conectada (Tiago 2:10-11) e ele não queria violar o mandamento ,  o sábado, pois todos eles são parte dae mesma aliança que Deus fez com Abraão. Uma vez que toda a lei está conectada (Tiago 2:10-11) e ele não queria violar o mandamento.

Rei  Davi observava o sábado:

Salmos 92:1-3 Salmos 92:1-3
(1) Salmo ou Canção para o dia de sábado.  É uma coisa boa para dar graças ao Senhor, e cantar louvores ao teu nome, ó Altíssimo: É uma coisa boa para dar graças ao Senhor, e cantar louvores ao teu nome, ó Altíssimo:
(2) Para anunciai a tua benignidade pela manhã, e tua fidelidade a cada noite, (2) Para ANUNCIAR a tua benignidade pela manhã, e tua fidelidade a cada noite,
(3) Quando um instrumento de dez cordas, e sobre o saltério, ao som da harpa com um som solene. (3) Quando um instrumento de dez cordas, e sobre o Saltério, ao som da harpa com um som solene.

Nota: O rei Davi, apesar de um pecador, era como um guardião fiel sábado que ele ainda dedicou um de seus Salmos para o sábado. Nota: O rei Davi, apesar de um pecador, era  um  do guardião do sábado  que ainda dedicou um de seus Salmos para o sábado.

NOVO TESTAMENTO :

Jesus Cristo guardou o sábado:

Lucas 4:16 Lucas 4:16
(16) e ele veio a Nazaré, onde ele [Jesus Cristo] tinha sido criado, e, como era seu costume, entrou na sinagoga no dia de sábado, e levantou-se para ler.

Nota: Existem três casos registrados onde lemos que Jesus observou o sábado.  Primeiro, como criador deste mundo (João 1:3), Jesus observou  no início (Gênesis 2:1-3). Primeiro, como criador deste mundo (João 1:3), Ele observou  durante a sua vida (Lucas 4:16), e ele também observou enquanto na sepultura (Lucas 23:53-56, 24:1-3). Através disso, ele mostrou que, desde o início dos tempos até o dia seguinte de sua morte (ele morreu no dia anterior ao sábado) nenhuma mudança tinha ocorrido no sábado.. Jesus era um guardador do sábado antes de qualquer lei cerimonial existir e depois que a lei cerimonial foi abolida. Os verdadeiros seguidores de Cristo andam  como  ele andou” 1 João 2:66 ”Aquele que diz que está nele, também deve andar como ele andou.. ”

3 E nisto sabemos que o conhecemos: se guardarmos os seus mandamentos.

4 Aquele que diz: Eu conheço-o, e não guarda os seus mandamentos, é mentiroso, e nele não está a verdade.

José de Arimatéia guardavam o sábado:

Lucas 23:50-56 Lucas 23:50-56

50 E eis que um homem por nome José, senador, homem de bem e justo,

51 Que não tinha consentido no conselho e nos atos dos outros, de Arimatéia, cidade dos judeus, e que também esperava o reino de Deus;

52 Esse, chegando a Pilatos, pediu o corpo de Jesus.

53 E, havendo-o tirado, envolveu-o num lençol, e pô-lo num sepulcro escavado numa penha, onde ninguém ainda havia sido posto.

54 E era o dia da preparação, e amanhecia o sábado.

55 E as mulheres, que tinham vindo com ele da Galiléia, seguiram também e viram o sepulcro, e como foi posto o seu corpo.

56 E, voltando elas, prepararam especiarias e ungüentos; e no sábado repousaram, conforme o mandamento.

Maria Madalena e Maria, mãe de José guardaram o sábado:

Marcos 15:47 Marcos 15:47
(47) E Maria Madalena e Maria, mãe de José, observavam onde foi colocado.
Nota: De acordo com o contexto de Marcos 15:40-47, estas mulheres estavam com José de Arimatéia, quando ele “descansou o dia de sábado.” Compare com Lucas 23:50-56.Assim como Jesus, que guardou o sábado após sua morte Note também que eles estavam a essa altura “cristãos”, porque, por definição, um cristão é um “seguidor de Cristo” e seguiram a Cristo.

Paulo e Barnabé guardavam o sábado: Paulo e Barnabé guardavam o sábado:

Ato 13:14 Ato 13:14
(14) Mas, quando eles partiram de Perge, chegaram a Antioquia da Pisídia, e entrou na sinagoga no dia de sábado, e se sentou. (14) Mas, quando partiram enguias de Perge, chegaram um Antioquia da Pisídia, e entrou na sinagoga no dia de sábado, e se sentou.

Nota: Eles não só vão à igreja apenas para testemunhar aos judeus.

Lucas, o médico manteve o Sabbath: Lucas, o médico manteve o Sábado:

Ato 16:13 Ato 16:13
13 E no dia de sábado saímos fora das portas, para a beira do rio, onde se costumava fazer oração; e, assentando-nos, falamos às mulheres que ali se ajuntaram.

Nota: Lucas, o autor dos Atos dos Apóstolos, usou a palavra “nós” para indicar que ele também estava entre aqueles que guardavam o sábado ao lado do rio.  Além disso, o livro de Atos foi escrito cerca de 62 D.C ,, Lucas era um cristão, porque ele também seguiu os ensinamentos de Cristo.  Assim, temos um cristão a guardar o sábado por volta da época de 62 D.C (para não mencionar a reunião dos gentios no sábado no livro de Atos).

DEPOIS DO NOVO TESTAMENTO :

Cristãos na Idade das Trevas quardavam o Sabbath:

Mateus 24:20
20 E orai para que a vossa fuga não aconteça no inverno nem no sábado;

Nota: Jesus profetizou disse para que    grande  tribulação(Invasão de Jerusalem) não  acontecece no  sábado nem  no inverno.Simples pq as pessoas estariam reunidas  nos sabados como manda  o  mandamentos  e seriam pegas  de  surpresa pelo  inimigo(Jerusalem foi  invadida no  ano 79 d.c .)

O sábado é quardado até  hoje:

Pela igreja,  Adventistas do Sétimo Dia, Batistas do Sétimo Dia, Sétimo Dia pentecostais, Igreja de Deus do Sétimo Dia, e muito mais.

Retirado do em  inglês:

Adventist Defense League

Anúncios
comentários
  1. Justo Miguel disse:

    Saude e Paz.
    Precioso adimirei a capacidade de raciocinio de voces. A maneira como voces conseguem arranjar saida para problemas criados com a doutrina de guardar o sabado.
    mas quero dizer o seguinte:
    1. nao tenhum pessoalmente nada contra os adventistas por guardarem o sabado.

    2. Nao está claro que Abraao, Abel, e outros antes de moises guardaram o sabado.
    Voces compoeem a doutrina na base de vossa inteligencia. Que Abraao nao guardou o sabado, é o mais racional.

    3. em todos os testos citados nem sequer a palavra sabado aparece. Apenas expecula’se.
    4. Abraao deu O dizimo. Desse modo eu sei inequivocamente de que antes da lei de moises o dizimo era praticado.
    5. No novo testamento,so se mostram exemplos de jesus na sinagoga e pauloou Pedro, mas nao esta escrito em nenhuma parte para guradar o sabado.
    6. Todos os mandamentos dos Dez sao repetidos, no novo testamento excepto o quarto. Muito estranho.

    espero vosso email

    • ReNnE SiLvA disse:

      Engraçado notar que os sábado foi guardado antes do monte sinai, você pode conferir no livro de êxodo 16 e Deus também criou o sábado na criação e na havia judeus.

  2. Danilo Campos disse:

    A ORDEM PARA GUARDAR O SABADO, FOI GUANDO MOISES ESTAVA COM O POVO NO DESERTO!!! DT 5:14-15

    • ReNnE SiLvA disse:

      Você se esqueceu de mencionar Exodo 20 e muitos outros versos, O sábado foi dado na criação do mundo.

    • Eduardo F disse:

      Danilo, acorda! Deus estabeleceu a santificação na criação como diz o Gen. 2:3: E abençoou Deus o dia sétimo, e o santificou; porque nele descansou de toda a sua obra que Deus criara e fizera.

  3. Paulo disse:

    Gen. 2:3: E abençoou Deus o dia sétimo, e o santificou; porque nele descansou de toda a sua obra que Deus criara e fizera. Em nenhum momento Deus nos diz para guardar o sábado aqui….
    Os 10 mandamentos eram para o povo judeu, não somos judeus =)

    • ReNnE SiLvA disse:

      Se os 10 mandamentos fossem somente para o judeus, então eu estou livre para fazer imagens de escultura e falar o nome de Deus em vão e adorar outros deuses??

      O novo testamento não proíbe nada disso, mas só faz alusão, assim como faz com o sábado

      leia este texto ouça o apelo de Deus a voçê, mas entenda uma coisa, leia o que cremos primeiro para entender porque guardamos o sábado, leia sites que defendem e outros que atacam e assim você poderá falar sem se apoiar em algum me disseram ou o pastor falou.

      ISAÍAS 56:
      1 ASSIM diz o SENHOR: Guardai o juízo, e fazei justiça, porque a minha salvação está prestes a vir, e a minha justiça(JESUS CRISTO), para se manifestar.
      2 Bem-aventurado o homem que fizer isto, e o filho do homem que lançar mão disto; que se guarda de profanar o sábado, e guarda a sua mão de fazer algum mal.
      3E NÃO FALE O FILHO DO ESTRANGEIRO que se houver unido ao SENHOR, dizendo: Certamente o SENHOR me separará do seu povo; nem tampouco diga o eunuco: Eis que sou uma árvore seca.
      4 Porque assim diz o SENHOR a respeito dos eunucos, que guardam os meus sábados, e escolhem aquilo em que eu me agrado, e abraçam a minha aliança:
      5 Também lhes darei na minha casa e dentro dos meus muros um lugar e um nome, melhor do que o de filhos e filhas; um nome eterno darei a cada um deles, que nunca se apagará.
      6 E aos filhos dos estrangeiros, que se unirem ao SENHOR, para o servirem, e para amarem o nome do SENHOR, e para serem seus servos, todos os que guardarem o sábado, não o profanando, e os que abraçarem a minha aliança,
      7 Também os levarei ao meu santo monte, e os alegrarei na minha casa de oração; os seus holocaustos e os seus sacrifícios serão aceitos no meu altar; porque a minha casa será chamada casa de oração para todos os povos.
      8 Assim diz o Senhor DEUS, que congrega os dispersos de Israel: Ainda ajuntarei outros aos que já se lhe ajuntaram.
      9 Vós, todos os animais do campo, todos os animais dos bosques, vinde comer.
      10 Todos os seus atalaias são cegos, nada sabem; todos são cães mudos, não podem ladrar; andam adormecidos, estão deitados, e gostam do sono.
      11 E estes cães são gulosos, não se podem fartar; e eles são pastores que nada compreendem; todos eles se tornam para o seu caminho, cada um para a sua ganância, cada um por sua parte.
      12 Vinde, dizem, trarei vinho, e beberemos bebida forte; e o dia de amanhã será como este, e ainda muito mais abundante.

  4. Antonio José disse:

    Quando a verdade não nos convém, então encontramos respostas para justificar o que não se pode explicar.. contrariando os preceitos divinos.
    A bíblia é a palavra fiel do Criador. O sábado foi é e será sempre o memorial
    da criação, o dia de santificação e adoração ao nosso Senhor.
    Louvado seja Deus.

    • graciliano disse:

      Nossos amados irmãos adventistas ainda não entenderam que o sábado não é condição sine qua non para uma vida cristã genuina. E não se deram conta que a fixação pelo sábado já está beirando a idolatria ou sábadolatria.

      • Marcos Morales disse:

        Meu amigo Graciliano, em parte vc tem razão quando faz referência com relação à salvação pela graça, pois realmente somos salvos pela graça e não por obras da Lei, mas pode alguém ter uma vida cristã genuína furtando, adulterando, matando…??? É óbvio que não! Na mesma forma, meu amigo, não podemos confessar uma fé cristã desrespeitando o 4° Mandamento da LEI DE DEUS, que está inserido junto a outros nove mandamentos. A questão é que nós Adventistas defendemos a validade do 4° Mandamento porque os demais não é necessário serem defendidos, pois todos concordam com eles, não é mesmo? Portanto não se trata de uma fixação pelo Sábado, mas realmente tratamos este dia como sendo um dia SANTO e ABENÇOADO por DEUS, pois foi ELE mesmo que o disse (Gênesis 2:3). Aliás hoje é sexta-feira, o dia da preparação como era tratado pelos discípulos de Jesus, e logo entrará o Santo Sábado, desejo a vc e à sua família um FELIZ SÁBADO!

    • graciliano disse:

      Conforme Ezequel 20:11-12, o sábado foi concebido, idealizado e instituido como sinal da aliança entre Deus e o seu povo (Israel), e não entre nós e Deus.
      Sugestão de leitura colossenses 2-14-17.

      • Marcos Morales disse:

        Meu querido Graciliano, vc não pode ter dúvida alguma de que o Sábado foi concebido, idealizado e instituído no último dia da criação divina, leia em sua Bíblia no Livro de Gênesis Cap 2:1-3 … ficou alguma dúvida ainda, a não ser que vc não creia no que leu alí, mas se não for suficiente leia os 10 Mandamentos escritos POR DEUS, com Sua própria mão, Êxodo Cap 20 (crês?), e como vc mesmo disse: “o sábado foi concebido, idealizado e instituído como sinal da aliança entre Deus e o seu povo (Israel)” … eu me considero como sendo remanescente do povo de Deus, vc não? Abraço! Que Deus nos abençoe!

      • ReNnE SiLvA disse:

        Isaías 56:
        2 Bem-aventurado o homem que fizer isto, e o filho do homem que lançar mão disto: que se abstém de profanar o sábado, e guarda a sua mão de cometer o mal.
        4 Pois assim diz o Senhor a respeito dos eunucos que guardam os meus sábados, e escolhem as coisas que me agradam, e abraçam o meu pacto:
        6 E aos estrangeiros, que se unirem ao Senhor, para o servirem, e para amarem o nome do Senhor, sendo deste modo servos seus, todos os que guardarem o sábado, não o profanando, e os que abraçarem o meu pacto,

        Isaías 58:
        13 Se desviares do sábado o teu pé, e deixares de prosseguir nas tuas empresas no meu santo dia; se ao sábado chamares deleitoso, ao santo dia do Senhor, digno de honra; se o honrares, não seguindo os teus caminhos, nem te ocupando nas tuas empresas, nem falando palavras vãs;

  5. IGOR RODRIGUES PATROCINIO disse:

    Danilo entenda, em Deus não há SOMBRA DE VARIAÇÃO. Ele mandou guiardar o Sábado , EXODO – 20-8 , então você tem que guardar . Ai vem a pergunta por que você deve guardar ? exodo 20- 9 em diante. O Sábado não foi apenas para os judeus, leia ezequiel 20:12 e 20:20.

    SOU DA IGREJA DO TESTEMUNHO DE JESUS ( NADA A VER COM TESTEMUNHAS DE JEOVÁ) RS.

  6. Carlos disse:

    Marcos 2:27
    (27) E disse-lhes: O sábado foi feito por causa do homem, e não o homem por causa do sábado:

    Nota: O sábado foi feito “para o homem”, na criação (Gênesis 2:1-3) o único homem vivo era? Adão e Eva. Nota: O sábado foi feito “para o homem”, A palavra “feito” alude volta a semana da criação, Portanto, o sábado foi feito para eles, e para sua prole. Portanto, Veja o nosso estudo: Marcos 2:27: Foi o sábado feito para Adão e Eva?

    A uma distorsão da palavra logo no começo pois não diz que Deus criou o sábado para o homem e sim por sua causa do homem.

    • Igor Rodrigues disse:

      Date: Wed, 3 Apr 2013 18:51:23 +0000 To: igoorroodrigues04@hotmail.com

    • graciliano disse:

      A paz do Senhor Jesus seja sobremaneira contigo Carlos!
      Caro e estimado irmão Carlos, a sua fala evoca ou no minimo pressupõe que você desconhece no sentido pleno da palavra a figura de linguagem denominada SINÉDOQUE s. f.s. f. [Retórica] Tropo que consiste em tomar a parte pelo todo, o todo pela parte;gênero pela espécie, a espécie pelo género.gênero, etc. Em suma Jesus usou o todo (Homem) pela parte(Judeu) para discorre sobre o sábado. Entendeu? Se não entendeu, leia o texto correlato de Ez. 20: 11-12 e terás a elucidação da questão em voga.

  7. Bruno disse:

    Povo Adventista, ESTAMOS ORANDO POR VOCÊS, QUE JESUS NOSSO SENHOR E SALVADOR ABENÇOE A TODOS VOCÊS, NÃO E DIA, OU COMIDA QUE IRA NOS SALVAR, MAIS SIM O AMOR QUE CRISTO PREGOU.

    • ReNnE SiLvA disse:

      I João 02:
      3 E nisto sabemos que o conhecemos; se guardamos os seus mandamentos.
      4 Aquele que diz: Eu o conheço, e não guarda os seus mandamentos, é mentiroso, e nele não está a verdade;

      I João 03:
      22 e qualquer coisa que lhe pedirmos, dele a receberemos, porque guardamos os seus mandamentos, e fazemos o que é agradável à sua vista.
      24 Quem guarda os seus mandamentos, em Deus permanece e Deus nele. E nisto conhecemos que ele permanece em nós: pelo Espírito que nos tem dado.

      I João 05:
      2 Nisto conhecemos que amamos os filhos de Deus, se amamos a Deus e guardamos os seus mandamentos.
      3 Porque este é o amor de Deus, que guardemos os seus mandamentos; e os seus mandamentos não são penosos;

      II João 01:
      6 E o amor é este: que andemos segundo os seus mandamentos. Este é o mandamento, como já desde o princípio ouvistes, para que nele andeis.

      Separe isso do amor de Deus se você puder.

  8. Rodrigo disse:

    Como podem falar que adão e eva guardavam o sábado e abraão, Isac, jaco, josé e Davi se moises na palavra de Deus mesmo afirma que não.
    Deut. 5:1-3 – Chamou, pois, Moisés a todo o Israel, e disse-lhes: Ouve, ó Israel, os estatutos e preceitos que hoje vos falo aos ouvidos, para que os aprendais e cuideis em os cumprir. “O Senhor nosso Deus fez um pacto conosco em Horebe. Não com nossos pais fez o Senhor esse pacto, mas conosco, sim, com todos nós que hoje estamos aqui vivos”.

    • ReNnE SiLvA disse:

      Rodrigo, veja esses textos. Eles são anteriores a aliança. Inclusive ele fala que Deus já havia dado o sábado
      Êxodo 16:
      24 Guardaram-no, pois, até o dia seguinte, como Moisés tinha ordenado; e não cheirou mal, nem houve nele bicho algum.
      25 Então disse Moisés: Comei-o hoje, porquanto hoje é o sábado do Senhor; hoje não o achareis no campo.
      26 Seis dias o colhereis, mas o sétimo dia é o sábado; nele não haverá.
      27 Mas aconteceu ao sétimo dia que saíram alguns do povo para o colher, e não o acharam.
      28 Então disse o Senhor a Moisés: Até quando recusareis guardar os meus mandamentos e as minhas leis?
      29 Vede, visto que o Senhor vos deu o sábado, por isso ele no sexto dia vos dá pão para dois dias; fique cada um no seu lugar, não saia ninguém do seu lugar no sétimo dia.
      30 Assim repousou o povo no sétimo dia.
      28 Então disse o Senhor a Moisés: Até quando recusareis guardar os meus mandamentos e as minhas leis?

  9. Elcivandro albuquerque disse:

    queridos adventistas, a lei foi criada com moises. Deus faz um pacto para aquele povo que esta ali presente não foi para seus pais, leia a biblia com atenção e vocês vão perceber isso. deixa eu só esclarecer uma coisa existe sente dispençasão e Deus trata seu povo em cada uma dela diferentimente, adão e eva fora criados na dispensação da inocencia, ja moises viveu na dispensação da lei aonde todos que era do tempo de moises tinha que guardar o sabado, hoje nos vivemos na dispensação da graça aonde o veu ser rasgou de cima pra baixo ate aonde vocês não entende isso, tirando um peso que o povo de moises carregava que era a lei, nem um conseguiu viver toda lei era 613 leis, como um homem poderia ser salva ja que quebrava a lei, agora e diferente a lei e Jesus, todos que estais cansado e sobre carregado venha a mim, porque sou manso e humilde e em mim encontrarão descanso, agora entenda a palavra de Deus pelo antropomofismo aonde Deus se relaciona com o homem trazendo ao entendimento a qual o homem possa entender, e fez Deus o ceus e terra e seis dias e no sétimo podemos usa essa palavra contemplou tudo aquilo que ele fez, porque era bom e bonito, ou sera mesmo que temos que acreditar que Deus depois de ter feito tudo atou uma rede e foi descansar por está cansado, agora me responde uma coisa mesmo ser Deus fosse descansar ou guardar um dia ele ia guardar pra quem? e qual o objetivo ja que ele é unico? vocês guardar e santificar com um objetivo pra Deus. ne verdade? pra que que adão ia guardar um dia ja que todo dia Deus vinha falar com ele, Deus não quer que vocês guardem um dia e sim todos amém.

  10. Igor Rodrigues Patrocinio disse:

    Já que a lei foi criada com Moisés, eu quero uma explicação para Gênesis 26:5 .

  11. Wander disse:

    Os textos são manipulados, e o entendimento forçado em sua maioria. Em nenhum lugar a bíblia diz que Adão, Abraão entre outros, guardaram o sábado. Os adventistas concluem isso e ensinam como se fosse uma verdade incontestável. Vão além do que está escrito.
    Só porque o sábado foi criado por ocasião da criação, então isso indica que Adão guardou o sábado? Claro que não, basta ser honesto e RACIONAL pra admitir isso. Não há nenhuma ordem quanto a se guardar o sábado em gênesis. também não faria sentido, pois se já havia guarda do sábado, havia possibilidade de violação do sábado. Por que Deus não disse que se violasse o sábado Adão também seria punido, como no caso de comer da árvore proibida? Ou será que violação do sábado era um delito menor no jardim do Éden?
    Sabatistas precisam raciocinar mais nos escritos bíblicos, ao invés de receber tudo mastigado da igreja.

    • ReNnE SiLvA disse:

      Existem evidências arqueológicas que todos os povos guardavam o sábado no principio. Evidências extra bbilbica. Leia êxodo 16, veja a história de Noé e de Abraão. Nelas vc verá que eles guardaram os mandamentos. Em o Novo Testamento, não existe uma ordem para não mais guardamos o sábado ou mesmo guardar o domingo.

      • Wbg disse:

        Existe evidências extra-bíblicas que os dias da criação não são literais também, por que vocês não as aceitam? Só aceitam tais evidências quando é pra corroborar seus ensinos? A bíblia é o melhor lugar para provar tal ideia, e nela tudo indica que nãos e guardava o sábado no Éden. isso é mera especulação.

  12. Dagomae Lima disse:

    deixemos o tempo correr, ao final veremos quem realmente entendeu oque Deus nos pediu, a maioria das igrejas se diz protestante ao mesmo tempo que adere aos costumes daquilo à que querem se opor, a santa lei de Deus possui 10 mandamentos, se não precisamos guardar o 4º mandamento então os 10 viraram 9 mandamentos??
    aqueles que duvidam do valor histórico e moral do sábado já estão desde já dizendo sim a um falso dia de adoração, ja que o verdadeiro para elas não vale, quando sair o decreto dominical veremos de que lado estarão, o sábado é um dos 10 mandamentos, nós adventistas o guardamos porque servimos ao deus verdadeiro e O obedecemos, não por ser o sábado em si, mas por ser um dos 10 mandamentos, a obediência aos 10 mandamentos é nosso sinal de amor para com nosso criador.

  13. Vera Lucia Cesar disse:

    “A igreja (Católica) após trocar o dia de descanso do Sábado dos judeus, ou o sétimo dia da semana, para o primeiro dia, fez o terceiro mandamento e se refere ao domingo que seja mantido sagrado como o Dia do Senhor.” — Extraído de “Enciclopédia Católica”, vol. 4, p. 153. A Igreja Católica reconhece haver mudado o sábado?

    Eusébio de Cesaréia, célebre bispo da Igreja Católica, considerado o pai da história eclesiástica, participante do Concílio de Nicéia, bajulador e biógrafo de Constantino, confessa:

    “Todas as coisas, sejam quais forem, que era dever fazer no sábado, estas nós as transferimos para o dia do Senhor (domingo)” — Em “De Vita Constantini”, Antuérpia 1696, liv. 3, cap. 33, p. 413. Uma versão mais recente é: “Eusebiu’s Ecclesiastical History”. Citado por Robert Cox em “The Literature of the Sabbath Question”, vol. 1, p. 361. Ver também “Commentary on the Psalms”.

    “Não o Criador do Universo, em Gênesis 2:1 a 3; mas a Igreja Católica pode reivindicar para si a honra de haver outorgado ao homem um repouso a cada sete dias.” — S.D. Mosna, “Storia della Domenica”, 1969, p. 366 e 367.

  14. Vera Lucia Cesar disse:

    As autoridades católicas reconhecem não haver fundamento bíblico para a santificação do domingo?

    O Rev. Isaac Williams, escreve o seguinte em seus “Plain Sermons on the Catechism”:
    “Onde se nos diz nas Escrituras que devemos observar o primeiro dia? É-nos mandado guardar o sétimo; mas em nenhum lugar nos é ordenado guardar o primeiro dia. (…) A razão pela qual santificamos o primeiro dia da semana em lugar do sétimo é a mesma que nos leva a observar muitas outras coisas: não porque a Bíblia, mas porque a Igreja o ordena.” — Vol. 1, p. 334 e 336.

    “A Bíblia manda santificar o Sábado, não o domingo; Jesus e os apóstolos guardaram o Sábado. Foi a tradição católica que, honrando a ressurreição do Redentor, ocorrida no domingo, aboliu a observância do Sábado.” — Pe. Dubois, “O Biblismo”, p. 106.

    • Vera Lucia Cesar disse:

      A Bíblia diz em 1 João 2:4-6 “Aquele que diz: Eu o conheço, e não guarda os seus mandamentos, é mentiroso, e nele não está a verdade; mas qualquer que guarda a sua palavra, nele realmente se tem aperfeiçoado o amor de Deus. E nisto sabemos que estamos nele; aquele que diz estar nele, também deve andar como ele andou.”

      Qual é o propósito da lei? A Bíblia diz em Romanos 3:20 “Porquanto pelas obras da lei nenhum homem será justificado diante dele; pois o que vem pela lei é o pleno conhecimento do pecado.”

      Na verdade, a lei de Deus nos mostra que estamos errados, e de que necessitamos de um Salvador, Jesus Cristo. Aceitando a Jesus, Deus nos promete dar um novo coração, capaz de guardar os seus mandamentos (Ezequiel 36:26-27), isso só ocorre como fruto de uma verdadeira conversão à Deus, mediante o Espírito Santo.

      Se Deus nos promete um novo coração para poder guardar os seus mandamentos, é porque seus mandamentos possuem validade incontestáveis.

      • Vera Lucia Cesar disse:

        Em Romanos 3:31 diz: “Anulamos a Lei pela fé? De maneira nenhuma! Antes estabelecemos a Lei.”

        A Lei revela a perfeição de caráter requerida, dando assim a conhecer o pecado; é, porém, impotente quanto a conferir o caráter exigido. No evangelho, a lei, primeiramente escrita no coração de Cristo, vem a ser a “lei do Espírito de vida em Cristo Jesus”, e transfere-se assim para o coração do crente, no qual Cristo mora pela fé. Por essa forma cumpre-se a promessa do novo pacto, quanto a ser escrita no coração. Isto é uma genuína experiência de Justiça pela fé – uma justiça testificada pela lei. [Veja também em Guiados Para Vencer I: Os Dois Concertos – II Coríntios 3].

        Vê-se assim que o evangelho é a providência tomada para restaurar a lei em seu lugar, no coração e na vida daquele que crê em Cristo, e aceita Sua obra mediadora. Uma fé semelhante, em vez de anular a lei, confirma-a no coração e na mente do crente. O evangelho, portanto, não é contrário a lei, antes nos apresenta e mantém a lei em Cristo.

  15. Vera Lucia Cesar disse:

    Acho que o emprego da frase “Lei abolida” está equivocado. Porque a lei na verdade não foi abolida. Cristo deixa isso claro em Mateus 5:17-18. E se lermos todo o capitulo veremos ele citar mandamentos que não fazem parte do decálogo.
    Na verdade o que ocorre é que ele preencheu, deu pleno significado a Lei, ampliou a visão a cerca da lei. Mas não a aboliu.
    Por que então não apedrejamos mais as pessoas quando pecam? Porque a lei do apedrejamento e muitas outras eram de caráter civil e transitório. O decálogo nada fala a cerca de apedrejamento.
    Por que continuamos não comendo carne de porco? Porque as leis de saúde foram dadas para preservar a saudê do povo de Deus, e nada mudou na estrutura humana de lá pra cá. O que fazia mal ao nosso corpo antigamente, continua fazendo mal hoje. A saúde ainda é uma necessidade básica do ser humano.
    Por não nos circuncidamos? Porque a circuncisão era um simbolo da velha aliança, um preceito da lei de ordenanças escrita no livro da lei e não no decálogo. Tendo sida substituída simbolicamente pelo batismo na nova aliança.
    Por que não matamos mais cordeiros? Porque simbolizavam a Cristo que é o cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo. Seu sacrificio foi o ultimo necessário.
    Por que não guardamos os 7 sábados cerimoniais? Por que eram solenidades, feriados que apontavam pra Cristo. Tais festas eram símbolos do ministério do nosso salvador. Eram formas simbólicas de ensinar o evangelho. Quando Cristo morreu, todas essas festas foram transferidas pra Ele. E dessa forma deixaram de ser necessárias pra nós.
    Como assim? Deixe-me explicar. O Yom Kippur por exemplo, conhecido como o Dia do Juízo e do perdão. Era o único dia em que o Sumo-Sacerdote entrava no santo dos santos para interceder pelo povo. Nesse dia eram sacrificados dois cordeiros, e havia toda uma solenidade.
    Um dos cordeiros simbolizava Jesus, logo o seu sacrifício simbolizava o sacrifício na cruz.
    O sumo-Sacerdote também simbolizava Jesus que hoje é nosso sumo-sacerdote no céu.
    E o Yom Kippur simbolizava a obra de intercessão que Jesus faz no céu hoje.
    Então após ele morrer, ele foi o ultimo cordeiro, passou a ser o sumo sacerdote, e passou a ministrar no santuário celestial. Não sendo mais necessário nem sumo sacerdote terreno, nem tabernáculo terrestre nem tão pouco sacrifico de animais.
    Simples assim…

  16. Vera Lucia Cesar disse:

    Veja querido irmão e amigo, nos relatos evangélicos se registram sete curas realizadas por Cristo no sábado: Lucas 4:33, 38-39; 6:6-10; 13:10-17, 14:2-4; João 5:5-10; 9:1-14, exatamente para demonstrar que no sábado devemos fazer o bem e também justifica alguns trabalhos emergenciais. Alguns pontos são evidentes ao examinarmos tais relatos. Vejamos:
    (a) Sempre que Jesus cura alguém no dia de sábado, Ele é acusado de ser um transgressor do quarto mandamento (Êxodo 20:8-11);
    (b) A defesa de Jesus é realizada de maneira enfática. Ele se defende das acusações;
    (c) Jesus não se considera um transgressor do Sábado. Muito pelo contrário: Ele coloca a guarda do Sábado em um nível superior ao dos judeus. Ele se declara Senhor do Sábado (Marcos 2:27 e 28), diz que o sábado foi feito para o homem e que é lícito (de acordo com a lei) realizar atos de bondade no dia do Sábado (Mateus 12:12).
    Cristo chama os judeus de hipócritas quanto à guarda do sábado (Lucas 13:15). Por quê? Porque eles pretendiam guardá-lo, mas haviam colocado tradições, regras, mandamentos sobre o sábado que o próprio Deus jamais colocara. Quem quer que examine, hoje, os livros de ensino e tradição dos judeus (Mishnáh, Talmud e outros) perceberá as incríveis distorções do mandamento sabático.
    Por que os judeus questionavam as curas no dia do sábado? Porque para eles – não para Deus – curar era uma espécie de trabalho. Curar = trabalhar, e o mandamento diz: “Não farás nenhum trabalho” (Lucas 13:14). Incrível, não?
    Como pode? A maneira como eles guardavam o mandamento demonstrava o quanto eram mesquinhos, desumanos e desprovidos de qualquer misericórdia. É até irônico! Eles eram capazes de tirar uma ovelha que caísse num precipício (para evitar prejuízo material) mas não queriam que Jesus estendesse a mão para curar doentes e pecadores – não é terrível?!
    E o mandamento que fora dado pelo próprio Cristo no monte Sinai (Atos 7:30-52) para ser um dia deleitoso, prazeroso (Isaías 58:13,14) tornou-se um fardo insuportável que o judeus hipócritas, impunham sobre os infelizes membros da nação judia. Por isso Jesus disse que queria misericórdia e não sacrifício.
    Jesus é o Senhor do Sábado! Ele criou o sábado (Gênesis 2:2,3); deu-o como mandamento no Sinai (Êxodo 20) e o ratificou com sua vida aqui neste mundo. O Sábado não foi dado apenas para os Judeus, foi dado para toda a humanidade como um incentivo à gratidão e à união entre a criatura e o Criador.
    Jesus jamais transgrediu aquilo que Ele mesmo estabelecera. E quando Ele foi julgado pelo Sinédrio e por Pilatos, buscaram argumentos para condená-lo. Se Cristo tivesse de fato transgredido o sábado os judeus achariam facilmente tal motivo, pois para eles esse era um dos principais mandamentos – mas nada acharam nEle!
    Pelas leis do Antigo Testamento o sacerdote não tinha permissão para dar pão sagrado, mesmo ao israelita mais consagrado. Apenas os sacerdotes podiam comê-lo. Entretanto, houve uma circunstância peculiar, incomum. Davi e seus homens precisavam desesperadamente de pão para sua subsistência, tendo em vista a maldade do rei Saul em persegui-lo (e dificultar a alimentação deles) e o fato de não haver outro alimento à mão.
    Da mesma forma, nos dias de Jesus, em situação ordinária, não seria permitido entrar na seara e colher espigas num dia de sábado (para os judeus e não na concepção do Deus Criador). Mas aquela era também uma circunstância especial pelas seguintes razões:
    1) Jesus e seus discípulos estavam longe de casa, pois eram pregadores itinerantes. Estavam retornando de uma reunião na sinagoga, a qual funcionava no sábado até, aproximadamente, a hora do almoço (a fome nesse horário é grande);
    2) Tendo em vista que nenhum daqueles religiosos ofereceu alimento – e os alunos de Cristo necessitavam comer – não seria transgressão do quarto mandamento colher espigas para saciar a fome. Seria o mesmo que hoje colhermos uma fruta no sábado, ou seja, nada de mais.
    É fácil percebermos que na Bíblia o dia de guarda sempre foi – e sempre será – o Sábado (Mateus 5:17-19; Apocalipse 14:6, 7; Isaías 66:22, 23 – até nos dias da eternidade!). E, quando lemos os relatos em que Jesus discutia com os fariseus sobre o assunto, o tema em questão nunca foi: “o dia deve ser guardado ou não?”, mas sim: “o dia pode ser guardado desse jeito?”.
    Meditemos nisso com sinceridade e oração para que não tenhamos uma vida de pecado ao transgredirmos conscientemente o Sábado! (ler Tiago 2:10).
    Se as leis morais pudessem ser abolidas, então Cristo não precisaria vir para morrer pelos pecadores, bastaria apenas abolir ou destruir a lei, pois onde não há lei, não existe pecado, porque o pecado é a transgressão da lei (Romanos 4:15; 1João 3:4). Caso a lei moral tivesse sido abolida, isso me “libertaria” para adorar imagens, tomar o nome de Deus em vão, desonrar os pais etc. Qual é o cumprimento da lei? Não é amar a Deus e ao próximo (Mateus 22:36-40; Deuteronômio 6:5; Levítico 19:18)? A primeira parte da lei está relacionada com nosso amor a Deus, e a segunda com nosso amor ao próximo. Se você acha que não deve guardar o sábado, também não deve guardar qualquer outro mandamento. Ou você acha que o único mandamento abolido teria sido o sábado?
    O sábado foi instituído no Éden, antes que a nação israelita existisse (Gênesis 2:2-3), o que foi confirmado por Cristo quando disse que o sábado foi feito por causa da humanidade como um todo, e não para um povo específico apenas (Marcos 2:27). Em Isaías 58:13-14; Ezequiel 20:12 e 20; e Apocalipse 14:12, o sábado é tido como um sinal entre Deus e Seu povo. Isso não quer dizer que só vai se salvar quem guarda ou guardou o sábado, mas Deus sempre teve um povo, em todas as épocas, com uma mensagem específica para dar ao mundo.
    A grande pergunta que eu tenho a quem diz que a lei foi abolida é de como será o juízo final.
    Em todo julgamento há um réu, que está sendo julgado por infringir uma lei, é assim hoje, agora imagine, qual será a lei, como será este julgamento se não existir uma lei, sendo que se não existe lei não existe pecado, a grande estratégia do inimigo é afastar as pessoas da Palavra de Deus.
    Deus não diz para irmos nessa ou naquela igreja , Ele nos pede para seguirmos a Ele, independente de igreja, olha a linda promessa que tem em João 14:21:
    “Aquele que tem os Meus mandamentos e os guarda, esse é o que Me ama; e aquele que Me ama será amado por Meu Pai, e Eu também o amarei e Me manifestarei a ele. “
    Em nenhum local da Bíblia tem escrito que somente o sábado foi abolido, como vimos, até na Nova Jerusalém guardaremos o sábado, a grande questão está em Oséias 4:6:
    “O meu povo está sendo destruído, porque lhe falta o conhecimento. Porque tu, sacerdote, rejeitaste o conhecimento, também eu te rejeitarei, para que não sejas sacerdote diante de mim; visto que te esqueceste da lei do teu Deus, também eu me esquecerei de teus filhos.”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s